Mesmo vacinado, sambista Nelson Sargento morreu após contrair Covid-19

O músico faleceu mesmo após tomar as duas doses do imunizante

Publicado em 27/5/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Morreu nesta quinta-feira (27), aos 96 anos e vítima da Covid-19, o sambista Nelson Sargento. Ele era um dos principais nomes do samba e da música popular brasileira. O músico foi diagnosticado com o novo coronavírus na última sexta-feira (21), data em que foi internado.

Nelson Sargento foi um dos primeiros cariocas a receber o imunizante. Em 31 de janeiro, ele participou de uma cerimônia simbólica ao lado do ator Orlando Drummond, de 101 anos, e outros idosos para comemorar a imunização.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Foto: Marcia Foletto / Agencia O Globo

VEJA MAIS: Amado Batista põe à venda suas fazendas por R$ 350 milhões!

Após receber a injeção de CoronaVac no braço, o sambista comemorou: “Que felicidade!” disse ele.

Vale ressaltar que a vacinação é de extrema importância para o controle da pandemia. A morte de pessoas que tomaram as duas doses é tido como um “evento raro” na medicina.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio