Michael Jackson tinha uma coleção de narizes antes da morte

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando Michael Jackson morreu em 2009, uma autópsia revelou como a estrela havia murchado, após anos de abuso de drogas prescritas.

Coberto de marcas e feridas de punção, os paramédicos confundiram o homem de 50 anos com um paciente de hospício quando ele morreu de uma parada cardíaca induzida por analgésico porque ele pesava tão pouco.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

E testemunhas afirmaram que o ‘nariz protético’ de Jackson estava ausente, expondo o suposto verdadeiro estado de sua cavidade nasal após décadas de cirurgia.

A prótese que ele normalmente colocava no nariz danificado estava faltando, revelando pedaços de cartilagem ao redor de um pequeno buraco escuro“, disse um espectador à revista Rolling Stone sobre suas narinas supostamente ausentes.

(Foto: Reprodução)

VEJA TAMBÉM: Após assumir romance, Tierry posta foto ao lado da ex-BBB Gabi Martins

A fonte acrescentou: “O rosto de Jackson, que ele tão dolorosamente retrabalhou e escondeu do público por décadas, agora está exposto ao ar livre sem disfarces.” Durante anos, Jackson negou ter feito qualquer coisa além de dois procedimentos de rinoplastia – o primeiro em 1979, quando ele caiu enquanto dançava e quebrou o nariz.

Encantado com os resultados, a estrela estreou seu nariz estreito na capa de seu álbum Off The Wall e, em 1981, ele foi submetido a uma segunda cirurgia.

Mas, apesar de suas negativas, no início dos anos 90 seu nariz havia mudado consideravelmente, ficando cada vez mais fino e com uma ponta cada vez mais estreita que surgia no final. Aqueles próximos à estrela alegaram que ele recorreu a esteroides em vez de cirurgia, com as drogas causando afinamento da pele.

(FOTO: Reprodução)

Administrado por injeções dolorosas, os pacientes geralmente são anestesiados primeiro com propofol – a droga com a qual ele mais tarde utilizaria como sonífero antes de matá-lo.

Em 2002, havia rumores de que o nariz real de Michael Jackson havia colapsado completamente, forçando-o a usar uma prótese.

O diretor de videoclipes Rudi Dolezal alegou que, quando estava filmando a turnê Dangerous em Munique em 1992, foi-lhe dito que Jackson se recusava a aparecer diante das câmeras se não estivesse se apresentando porque, “naqueles dias, ele não tinha nariz“.

Ele precisava de um nariz de plástico que levasse horas para colocar com massa e maquiagem”, disse ele ao Page Six do New York Post, alegando que toda a transformação de Jackson foi desencadeada por não querer se parecer com seu pai Joe, que ele ‘odiava‘.

Mesmo assim, Jackson continuou negando, dizendo a Martin Bashir que ele só fizera duas plástica no nariz – como ele se lembra’.

(FOTO: Reprodução)

Não fiz nenhuma cirurgia plástica no rosto. Só no nariz. Me ajudou a respirar melhor, então posso atingir notas mais altas”, ele insistiu.

Mas a Dra. Pamela Lipkin, uma cirurgiã especializada em rinoplastia, disse que Michael Jackson provavelmente estava sofrendo de uma “deficiência nasal” e que o que restou da característica estava além do reparo.

O que eu acho que aconteceu é que algo em seu nariz, um enxerto, um implante, algo saiu pela pele”, disse Lipkin à Allure.

E é por isso que ele provavelmente tem um buraco na pele… Eles são chamados de aleijados nasais. Pessoas cujo nariz foi feito tantas vezes que não há nariz para respirar.

O relato mais contundente veio da ex-governanta de Jackson, Adrian McManus, que alegou que uma estrela doente tinha um pote inteiro de narizes falsos para escolher.

Em seu armário ele tinha um pote de narizes falsos e cola de palco, que ele me disse que usava para disfarces“, disse à Rolling Stone.

Mas alguns eram semelhantes ao seu nariz real, só que sem o buraco.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio