Miley Cyrus pede solidariedade na batalha contra o coronavírus: “Seja humano”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Miley Cyrus resolveu incentivar as pessoas a serem “solidárias” em meio à pandemia de coronavírus. Com o número de mortos no mundo atingindo 6.000 e a ansiedade coletiva aumentando, as pessoas em todo o país e no mundo estão se distanciando socialmente como forma de precaução.

No início desta manhã, Cyrus aconselhou os seguidores nas redes sociais a adotarem o distanciamento social. “Seja atencioso. Respeitoso. Compassivo. HUMANO”, iniciou em sua mensagem.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

NINGUÉM precisa de todas as sopas da loja, quanto mais acumularmos, mais caras e necessárias serão as necessidades esparsas, deixando muitos sem o essencial”, escreveu Miley Cyrus no Twitter, juntamente de um vídeo de sua antiga série Disney, a produção Hannah Montana com várias fotos e vídeos que rodaram as redes sociais mostrando prateleiras vazias em supermercados e lojas de departamento.

VEJA TAMBÉM: Gusttavo Lima bebe demais e revela que passa horas “chupando periquita” da esposa

“Este é um ótimo momento para praticar a contenção … é incrivelmente difícil tomar decisões inteligentes em pânico”, disse ela. “Mas pense duas vezes antes de seguir o medo e ser desconsiderado. Há o suficiente para superarmos isto se cuidarmos um do outro. Este é um momento bonito para LIDERAR!” escreveu Miley Cyrus.

Atualmente existem mais de 3.400 casos confirmados de coronavírus – também conhecido como COVID-19 – nos Estados Unidos, de acordo com agências governamentais e o CDC. Nos EUA o número de mortos aumentou para 63.

Celebridades como Justin Bieber, Justin Timberlake, membros do BTS e estrelas da NBA estão ajudando nos esforços de alívio de coronavírus em todo o mundo. No domingo, Timberlake anunciou no Instagram que faria uma doação para o Banco de Alimentos do Meio-Sul em Memphis, Tennessee. Em fevereiro, Bieber prometeu doar US $ 29.000 à Fundação de Caridade Chunmiao de Pequim – uma instituição de caridade infantil na China – para ajudar nos esforços de socorro do COVID-19.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio