Morre famoso produtor de Martin Garrix aos 28 anos após aparente suicídio

O irmão dele divulgou um comunicado nas redes sociais nesta segunda-feira

Publicado em 5/3/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O famoso produtor eletrônico de Martin Garrix, Pierce Fulton, morreu aos 28 anos.

Nesta segunda-feira (3), o irmão mais velho de Pierce, Griff Fulton, divulgou um comunicado nas redes sociais anunciando a morte. “Parte meu coração compartilhar com vocês que Pierce faleceu na noite de quinta-feira após uma trágica luta contra a saúde mental”, ele escreveu.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pierce Fulton (FOTO: Reprodução Billboard)

Pierce fez seu nome na cena da dança no início e em meados da década de 2010 por meio de produções house e progressiva lançadas por gravadoras como Armada, Monstercat, Anjunadeep e outras.

“Waiting for Tomorrow”, sua colaboração de 2018 com Martin Garrix e Mike Shinoda, alcançou a 26ª posição no Hot Dance / Electronic Songs, enquanto sua faixa solo “Runaway” alcançou a posição 1 no mesmo gráfico em 2014.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira!

Ele também teve faixas marcantes na parada Dance Mix / Airplay Show. Em janeiro de 2020, seu projeto colaborativo Leaving Laurel foi lançado via Anjunadeep.

A comunidade da dance music está de luto pela morte de Fulton, com artistas como Audien, Louis the Child, Rezz, 3lau, BreatheCarolina, Tommy Sunshine, Manila Killa, Dave Dresden e muitos mais – junto com Spinnin ‘, Proximity, Anjunadeep e mais gravadoras e distribuidores – expressando suas condolências.

Fulton deixa seus pais, seu irmão, sua irmã e sua esposa.

“O ano passado foi um período difícil para todos”, Griff Fulton continuou em seu comunicado. “Se você ou alguém que você conhece está tendo dificuldades, leve sua intuição a sério, fale sobre seus sentimentos e peça ajuda“, escreveu ele.

A declaração continua que a família está planejando iniciar uma organização em homenagem a Fulton. Também encorajou fãs e amigos a enviarem suas condolências, fotos, vídeos e lembranças de Fulton para pierce@piercefulton.com.

Enquanto isso, de acordo com EDM Tunes, a menção dos problemas de saúde mental de Fulton no depoimento de sua família levou muitos fãs a desconfiarem que ele morreu de suicídio. A causa específica da morte de Fulton não foi divulgada ao público.

Suicídio.

O suicídio é considerado pelo Ministério da Saúde como um problema de saúde pública, complexo, multifacetado e de múltiplas determinações, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, classes sociais, idades, orientações sexuais e identidades de gênero. Todos os anos, cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio no mundo, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde).

No Brasil, uma pessoa morre por suicídio a cada hora, enquanto outras três tentaram se matar sem sucesso no mesmo período. O assunto é tão complexo que muitas pessoas evitam falar a respeito, o que nem sempre é a melhor decisão. Um problema dessa magnitude não pode ser negligenciado, pois sabe-se que o suicídio pode ser prevenido. Uma comunicação correta, responsável e ética é uma ferramenta importante para evitar o efeito contágio.

Centro de Valorização da Vida.

Uma das entidades que ajuda pessoas com pensamentos tristes e depressivos é o Centro de Valorização da Vida, o CVV. A organização existe há anos graças ao trabalho voluntário de centenas de pessoas. O atendimento é gratuito e pode ser feito por telefone e internet. O telefone que tem cobertura para todo Brasil é 188.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio