juice wrld
O rapper norte-americano Juice WRLD (FOTO: Reprodução)

A polícia de Chicago começa a dar mais informações sobre a morte do rapper Juice WRLD ocorrida no último domingo (dia 8). Existe a possibilidade do falecimento ter acontecido por causa de uma overdose de drogas.

De acordo com a Billboard, um agente federal chegou a administrar uma medicação para anular os efeitos de uma ingestão de opioides em grande quantidade. O TMZ aponta ainda que a ingestão das pílulas poderia ter ocorrido minutos antes de uma fiscalização de policiais no jato particular do rapper na madrugada do domingo.

Nos foi avisado que Juice sofreu uma convulsão – que acabou sendo fatal – enquanto agentes estavam conduzindo a revista. Nossas fontes dizem que alguém de sua equipe disse aos policiais que ele teria engolido várias ‘pilulas desconhecidas’”. O site aponta ainda que uma vistoria também tinha sido feita em novembro na aeronave de Juice WRLD. “Um dos agentes administrou Narcan depois da namorada do rapper afirmar que ele teria tomado Percocet, um opioide, disse um representante da polícia de Chicago”, segue a Billboard.

Na fiscalização, policiais acharam “várias bolsas com maconha, vários vidros de xarope para tosse, três armas, munição e carregadores de armas”. “Nenhuma das doze pessoas no voo admitiu carregar as drogas, mas detetives estão conduzindo uma análise forense para determinar que bagagens pertenciam a que passageiros, adicionando que dois seguranças foram presos por posse de armas”, afirmou a Billboard.

VEJA TAMBÉM: Vídeos sensuais de Anitta são publicados em site pornô

A autópsia do corpo de Juice foi concluída nesta segunda-feira (dia 9), porém os exames toxicológicos ainda não foram totalmente concluídos e por isso não foram divulgados.

Como ocorre habitualmente, depois da morte de um artista da música, a busca por suas canções dispararam nas plataformas de streaming e lojas digitais. Já no Spotify Global, nesta segunda-feira, o grande hit do rapper, “Lucid Dreams” chegou a subir 116 posições diretamente para o segundo lugar da parada permanecendo atrás somente de Tones and I. Outras doze canções também entraram para a lista. Apenas no Spotify norte-americano, 25 músicas preenchem o ranking.

“Lucid Dreams” também subiu 43 posições no iTunes Global saindo de 59º para 16º em somente em um dia. Na loja digital da Apple nos Estados Unidos, a canção está atrás apenas de “Christmas Tree Farm”, da Taylor Swift. Já o videoclipe de “Lucid Dreams” também retornou aos vídeos mais assistidos do YouTube.