Namorado de Billie Eilish se desculpa por mensagens racistas e homofóbicas

Publicado em 17/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Matthew Tyler Vorce resolveu se desculpar por seu uso de linguagem racista e homofóbica no passado. Compartilhando as desculpas em seus Stories no Instagram, Vorce, que é namorado de Billie Eilish, se desculpou pelas palavras “ofensivas” que usou nas redes sociais no passado.

Quero me desculpar pelas coisas que escrevi nas redes sociais no passado. A linguagem que usei foi ofensiva e irresponsável e entendo como essas palavras são ofensivas”, escreveu o jovem de 29 anos. “Se era uma letra, uma citação ou apenas eu sendo burro, não importa.”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: RICA! Luísa Sonza revela que novo clipe custou R$ 1 milhão

Estou envergonhado e profundamente arrependido de tê-los usado em qualquer contexto. Não é como fui criado e não é o que defendo”, continuou ele. “Eu não deveria ter usado essa linguagem em primeiro lugar e não vou usá-la novamente. Sinto muito pela dor que causei.

O atual companheiro de Billie EIlish concluiu: “Assumo total responsabilidade e continuo a me responsabilizar por minhas ações”.

O pedido de desculpas de Vorce veio depois que fãs de Eilish, 19, encontraram tweets e postagens no Facebook onde ele supostamente usou linguagem ofensiva e calúnias sobre negros e gays. Ele também supostamente descreveu Adele como “Miss Piggy” britânica em 2012.

Eilish e Vorce geraram rumores de namoro em abril, quando o casal foi flagrado tomando café em Santa Bárbara, Califórnia. Em um ponto durante o passeio, Eilish foi fotografada descansando a cabeça no ombro de Vorce enquanto ele colocava a mão em seu pescoço.

ADVERTISEMENTFBTweetMore

CREDIT: RONIN47/SPLASH

Em sua recente matéria de capa da Rolling Stone, Eilish falou sobre como se sentiu muito melhor após a turnê de When All Fall Asleep, Where Do We Go? quando ela terminou com seu então namorado Brandon Adams.

“Eu estava prosperando”, disse ela sobre aquela época. “Eu me sentia exatamente como eu era. Tudo ao meu redor estava exatamente como deveria ser. Eu me senti como se estivesse melhorando. Eu me senti mais feliz do que nunca. E tentei continuar assim.”

Ela também se descreveu como “pegajosa”, mas que está aprendendo a viver sozinha. “Eu não sabia como [fazer] antes, o que é irônico, porque eu nunca tive um relacionamento que me permitisse realmente existir com aquela pessoa”, disse ela à revista. “Minha emoção sempre é por causa de outra pessoa, e isso foi um grande pé no saco.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio