Luan Santana
O cantor sul-mato-grossense Luan Santana (FOTO: Reprodução)

Hoje, 7 de outubro, comemora-se o DIA DO COMPOSITOR. Diante de tantos talentos da MPB, vamos destacar dois compositores do sertanejos. Zezé Di Camargo, parceiro de dupla de Luciano, tem mais de 300 composições gravadas por grandes intérpretes.

Só para se ter uma ideia, É O AMOR , música que lançou a dupla em 1991 e que já ganhou interpretações ilustres como a de Maria Bethânia, já foi regravada por mais de 70 intérpretes (inclusive em espanhol, hebraico e russo), alcançando a marca de 1 bilhão de execuções. “É um presente divino imaginar que a sua composição foi interpretada em tantos idiomas”, revela.

Da nova geração do sertanejo, Luan Santana é o compositor que mais emplacou sucessos nas rádios nos últimos 10 anos

O cantor emplacou 6 composições próprias nos tops 10 nas rádios na última década.
O sertanejo é, junto ao funk, um gênero musical que emplaca grandes sucessos nas rádios brasileiras nos últimos tempos. Dentro do estilo, Luan Santana vem alcançando patamares cada vez mais altos, tornando-se um dos compositores e cantores que mais emplacou sucessos nas rádios nos últimos 10 anos.

Em 2017, o hit “Acordando o Prédio” chegou ao topo das paradas em todo o país. Mas a história já vinha sendo trilhada antes, inclusive, com composições de própria autoria, como foi o caso de “As Lembranças Vão Na Mala”, em 2011, que chegou ao top 10 de maiores sucessos na rádio.

“Ser um artista completo é o meu objetivo. Tocar, cantar, compor, criar… Ver as minhas composições e também as minhas com os meus parceiros de música neste ranking é um privilégio. É também o sinal de que estou no caminho certo. Reconhecimento de público e crítica tem como sinônimo o reflexo em rankings, é o espelho do nosso trabalho, o resultado do que plantamos”, afirma.

Os sucessos não pararam por aí, na verdade, as autorais emplacadas somam 6 sucessos, vindo também “Incondicional” e “Te Vivo”, ambos em 2012, “Cê Topa?”, em 2014, “Escreve Aí”, em 2015, “Quando a Bad Bater”, em 2019.

Diversas vezes, Luan Santana é associado com Roberto Carlos, grande ídolo do cantor: “Eu me inspiro e me espelho em Roberto Carlos. Ele é nobre, tem uma carreira e vida impecáveis, um sucesso imensurável e infinito. Vou sempre me inspirar no Rei” A parceria de Roberto com Eramo Carlos assemelha-se à relação de Matheus, dupla de Kauan, com o sertanejo: “Sou o Erasmo (Carlos) na vida do Luan. Nesse período de isolamento social, tenho feito de 5 a seis composições por semana, boa parte para ele e para a nossa dupla”, revela Matheus.

VEJA TAMBÉM: Britney Spears dança música que fala sobre pai e deixa fãs preocupados

Confira a ficha das canções assinadas por Luan e que o coloca como líder de compositor das rádios na década:
• “Escreve Aí”
Compositores: Bruno Caliman, Luan Santana, Dudu Borges & Douglas Cezar
• “Incondicional”
Compositor: Thiago Servo / Luan Santana / Fernando Fakri de Assis/ José Lázaro Servo / Marcelo de Oliveira / Milena Alves / Sérgio Coelho
• “Quando a Bad Bater”
Compositor: Luan Santana
• “As Lembranças vão na mala”
Compositor: Luan Santana
• “Te Vivo”
Compositores: Luan Santana e Tiago Servo
• “Cê Topa”
Compositores: Caco Nogueira / Douglas Cezar / Dudu Borges / Luan Santana