david bowie
O músico britânico David Bowie (FOTO: Reprodução)

Mesmo que você não seja um fanático por David Bowie, há uma boa chance de você ter ouvido falar dessa história incrível e, se não, então aperte o cinto porque é um longo passeio. Envolve não apenas o falecido, mas também o ator e lenda do Easy Rider, Dennis Hopper, infiltrando drogas no “hospício” em que Iggy Pop estava em 1975. (Por Far Out).

Vale mencionar que enquanto David Bowie, Dennis Hopper e Dean Stockwell estavam contrabandeando cocaína na ala psiquiátrica do jovem Iggy, eles o faziam usando trajes espaciais? Sim, é um daqueles tipos de histórias. Uma daquelas escapadelas de rock ‘n’ roll monstruosamente ridículas que são tão absurdamente ridículas que simplesmente tem que ser verdade. 

Na época, em 1975, Iggy Pop havia se internado involuntariamente em uma ala psiquiátrica após o crescimento, e aparentemente impossível de parar, de problemas com o vício em drogas. Seu abuso de drogas não só começou a colocar em risco sua carreira, mas também sua vida. Foi decidido para seu próprio bem que ele iria visitar uma clínica para ajudar a tratá-lo. 

David Bowie, Dennis Hopper smuggled cocaine for Iggy Pop
(FOTO: Reprodução)

VEJA TAMBÉM: Francinne denuncia produtor por estupro e agressões

No livro de 2012 de David Bowie, The Golden Years, é dito que o ator Dean Stockwell visitou Iggy Pop na UCLA ao lado de Bowie com o par supostamente vestido em trajes espaciais, completamente chapados e gritando: “Queremos ver Jimmy. Deixe-nos entrar!”. É o tipo de conto de rock que cria um status lendário permanente para todos os envolvidos, mas é tudo o que parece?

De acordo com Iggy, eles foram realmente admitidos por causa do pessoal da instalação ficar impressionado com a dupla, afinal, na época, Stockwell e Bowie eram estrelas gigantescas. Quando dentro do quarto do cantor, Bowie e Stockwell retiraram drogas de suas roupas, que haviam levado para o amigo internado.

Se bem me lembro, éramos eu e Dennis Hopper. Entramos no hospital com uma carga de remédios para (Iggy) ele”, relembrou o cantor. “Este foi um hospital para deixar as drogas na porta. Estávamos loucos, todos nós. Ele não estava bem; isso é tudo o que sabíamos. Achamos que devíamos levar algumas drogas para ele, porque provavelmente ele não tomava há dias!” Isso pegou Bowie em um momento de sua vida onde a cocaína estava além da alegria, era uma necessidade.

Contudo, não foi de todo mal, o próprio Iggy revelou que foi Bowie quem o ajudou quando mais precisou: “Em 1975, eu estava totalmente viciado em drogas e minha força de vontade havia se esgotado. Mas, ainda assim, tive cérebro para me internar em um hospital e sobrevivi com força de vontade e muita ajuda de David Bowie. Eu sobrevivi porque eu quis.