John Lennon
O legendário cantor britânico John Lennon (FOTO: Reprodução)(FOTO: Reprodução)

A morte de John Lennon ainda é um choque para muitos fãs dos Beatles, e às vezes é difícil acreditar que ele e seu ex-colega de banda George Harrison não estão por perto. A morte de Lennon foi causada por Mark David Chapman, que ficou obcecado por Lennon e algumas outras estrelas.

No período que antecedeu a morte de Lennon, a ex-estrela dos Beatles havia escrito um álbum com sua então esposa, Yoko Ono, chamado Double Fantasy. O álbum foi escrito após um hiato na escrita e na música, que durou cerca de cinco anos.

VEJA TAMBÉM: Maiara volta a apagar fotos com Fernando e ele desaba na web: “Vontade de fazer nada”

Em 1980, no entanto, Lennon lançou um single (Just Like) Starting Over, que foi escrito por ele mesmo. Um mês depois, ele e Ono lançaram Double Fantasy, que era o sétimo álbum de estúdio de Lennon, embora ele não soubesse que seria o último.

John Lennon and Yoko Ono

Após o lançamento, em 8 de dezembro de 1980, Lennon autografou uma cópia do álbum para o fã Mark David Chapman, antes de sair de onde eles moravam no The Dakota, em Manhattan, para uma sessão de gravação no Record Plant, na cidade de Nova York. 

Após a sessão, Lennon e Ono retornaram ao seu apartamento em Manhattan em uma limusine pouco antes das 23h e caminharam pelo arco do prédio. Foi lá que Chapman atirou nas costas de Lennon.

O cantor foi levado às pressas para o Hospital Roosevelt, em Nova York, mas teve sua morte declarada assim que chegou, às 23h. 

A suspeita é de que John Lennon morreu no carro da polícia a caminho do hospital, embora não se saiba se ele morreu imediatamente ao ser baleado. 

Chapman é conhecido por ter ficado furioso com Lennon por suas declarações públicas, como ser “mais popular que Jesus”, apesar de ser fã dos Beatles. Acredita-se também que ele tenha pensado em matar outras figuras públicas, como Ronald Reagan e Elizabeth Taylor, mas são apenas suspeitas sem provas.

Mark David Chapman, who killed John Lennon

Depois de atirar cinco vezes em Lennon, ele permaneceu no local lendo o romance de J.D. Salinger, The Catcher in the Rye, que ele teria ficado obcecado nos anos que antecederam o assassinato. 

Ele foi preso no local e foi sentenciado a 20 anos de prisão perpétua com tratamento psiquiátrico, e desde então tentou ter liberdade condicional mas todas suas tentativas foram negadas.

No dia seguinte ao assassinato, Ono divulgou uma nota pedindo às pessoas que “amem e orem” por John, como ele fez pela raça humana. 

Seus restos mortais foram cremados, e Ono espalhou suas cinzas no Central Park de Nova York, onde o memorial de Strawberry Fields foi posteriormente erguido em sua homenagem.

Image result for John Lennon Strawberry Fields Forever | Viagens ...
O memorial Strawberry Fields (FOTO: Reprodução)

Double Fantasy ganhou o Grammy de Álbum do Ano em 1982, enquanto (Just Life) Starting Over e o álbum lideraram as paradas no Reino Unido e nos EUA.