O astro norte-americano Elvis Presley (FOTO: Reprodução)

Uma mulher teria sido ouvida gritando “não faça isso” na casa do neto de Elvis Presley na manhã de domingo. A polícia disse que o filho de Lisa Marie Presley, Benjamin Keough, 27 anos, morreu depois de ter dado um tiro em seu tronco na luxuosa mansão de luxo de sua família localizada em Calabasas, Califórnia.

Uma vizinha disse exclusivamente ao DailyMail.com que ouviu os moradores da propriedade de US$ 1,8 milhão festejando à 1 da manhã, antes que uma mulher fosse ouvida gritando alto, “Não faça isso”, por volta das 3h30 – embora a vizinha não tenha ouvido um tiro.

Outro morador da mesma rua disse ao DailyMail.com que os oficiais do Departamento do Xerife de Los Angeles chegaram à casa no condomínio Calabasas Park Estates por volta das 6 da manhã. A vizinha, que pediu para não ser nomeada, ouviu a polícia entrevistando no quintal uma mulher desesperada, que seria a namorada de Benjamin.

“Eu podia ouvir alguém falando muito alto no quintal. Olhei para fora e vi o que parecia ser sua namorada lá fora falando com a polícia, e ela estava bastante histérica dizendo: “Não posso acreditar”, disse a vizinha. “Ela não parava de praguejar e dizer: “Não posso acreditar, não posso acreditar”. Ela dizia: “Não posso acreditar que ele fez isso a si mesmo”.

A vizinha disse: “A família vai me odiar” e “eles vão me culpar”. Acho que ela estava se sentindo culpada por isso ter acontecido… mas não quero especular”. A vizinha acrescenta: “Isso foi por volta das 6h30-7h00. Eles estiveram lá fora por cerca de uma hora conversando”.

A vizinha explica que a vizinhança acreditava que a mulher – que eles tinham visto entrar e sair regularmente de casa com Benjamin – era sua namorada e que o casal namorava há pelo menos dois anos.

A moradora disse que a mãe de Benjamin, Lisa Marie, não estava na casa no momento do disparo e que eles não a viam na propriedade há várias semanas. Mas outros vizinhos viram uma reunião da família Presley na casa mais tarde no domingo, após a notícia do chocante suicídio relatado.

Uma representante de Lisa Marie declarou ao DailyMail.com: ‘Ela está completamente destroçada, inconsolável e além de devastada, mas tentando se manter forte para suas gêmeas de 11 anos e sua filha mais velha, Riley. Ela adorava aquele garoto. Ele era o amor de sua vida”.

Moradores da comunidade de Calabasas – que foi isolada pela polícia após o tiroteio de domingo – disseram que a família se mantinha reservada. “Eles são muito reservados”, disse um vizinho ao DailyMail.com. “Nem sequer acenam ou nada. Não que eles sejam rudes, apenas não querem que ninguém saiba quem são”.

Outro vizinho Alexander Freiberg, 67, que mora do outro lado da rua de Keough, diz que a comunidade de moradores ‘isolada’ e ‘privada’ ficou ‘chocada’ com a morte. “O que aconteceu é uma tragédia e pegou a todos de surpresa. Todo mundo está chocado, que sua alma descanse em paz“, disse ele.

CHAMADO DA POLÍCIA

“Os detetives do Departamento de Homicídios do Condado de Los Angeles deram início a sua investigação da morte de um homem adulto branco na casa dos 20 anos, que foi descoberto [na] Alexandra Court, Calabasas, no domingo, 12 de julho de 2020, aproximadamente às 6h30 da manhã”, disse o comunicado.

VEJA TAMBÉM: Quem era o neto de Elvis Presley que teria cometido suicídio?

“Os detetives souberam que os oficiais designados na Estação do Xerife de Malibu/Lost Hills responderam a um chamado com relação a um “caso envolvendo um resgate”. Ao chegar, eles localizaram a vítima que sofria de um tiro no tronco superior. A vítima foi pronunciada como morta no local”.

Um oficial pôde ser visto do lado de fora da mansão no domingo, enquanto a polícia e um veículo do legista estavam estacionados nas proximidades. Benjamin era filho do músico Danny Keough, que se casou com Lisa Marie em 1988 e se divorciou dela em 1994.

Sua mãe, que tem outros três filhos, havia falado anteriormente da semelhança de seu filho com seu pai Elvis Presley, chamando sua semelhança de “incomum”. “Ben se parece tanto com Elvis”, disse Lisa Marie em uma entrevista de 2012 com a CMT. “Todos o agarram para tirar uma foto porque é simplesmente incrível. Às vezes eu fico sobrecarregada quando olho para ele”.

Elvis Presley's look-alike grandson Benjamin Keough
Benjamin Keough-Elvis-PresleyElvis Presley grandson Benjamin Keough's Bio: Net worth, Lisa ...

A filha de Elvis Presley se casou com Michael Jackson, Nicholas Cage e finalmente, em 2006, com o produtor musical Michael Lockwood, com quem ela teve meninas gêmeas. Benjamin cresceu com sua mãe e Lockwood em Calabasas.

O último casamento de sua mãe terminou em um divórcio polêmico. Ela pediu a separação em 2016 e no ano seguinte acusou Lockwood de possuir centenas de imagens de pornografia infantil em seu computador e levou suas filhas sob custódia protetora.

Os vizinhos disseram que o casal agora divide a custódia das meninas gêmeas, Finley e Harper Lockwood, de 11 anos. A irmã de Benjamin, atriz e modelo Riley Keough, já atuou em filmes e séries em Hollywood como por exemplo Mad Max: A Estrada da Fúria.

Suicídio

O suicídio é considerado pelo Ministério da Saúde como um problema de saúde pública, complexo, multifacetado e de múltiplas determinações, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, classes sociais, idades, orientações sexuais e identidades de gênero.

Todos os anos, cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio no mundo, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde). No Brasil, uma pessoa morre por suicídio a cada hora, enquanto outras três tentaram se matar sem sucesso no mesmo período.

O assunto é tão complexo que muitas pessoas evitam falar a respeito, o que nem sempre é a melhor decisão. Um problema dessa magnitude não pode ser negligenciado, pois sabe-se que o suicídio pode ser prevenido. Uma comunicação correta, responsável e ética é uma ferramenta importante para evitar o efeito contágio.

Centro de Valorização da Vida

Uma das entidades que ajuda pessoas com pensamentos tristes e depressivos é o Centro de Valorização da Vida, o CVV. A organização existe há anos graças ao trabalho voluntário de centenas de pessoas. O atendimento é gratuito e pode ser feito por telefone e internet. O telefone que tem cobertura para todo Brasil é 188.