Pabllo Vittar participará de filme sobre Guaraná Jesus

Publicado em 27/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A história do farmacêutico maranhense Jesus Norberto Gomes, que nos anos 1920 inventou o Guaraná Jesus, refrigerante mais popular no Nordeste, vai virar filme, e Pabllo Vittar está presente. As informações são do Ancelmo Gois do jornal O Globo.

O refrigerante, que foi comprado em 2001 pela Coca-Cola, virou notícia recentemente ao ser alvo de uma das muitas piadas homofóbicas de Jair Bolsonaro, quando, em visita ao Maranhão, o presidente tomou o guaraná de cor rosa e questionou se teria virado “boiola”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Intitulado “Além do Sonho Cor de Rosa”, o filme está sendo desenvolvido pela carioca Fernanda Kalume e a bisneta de Jesus, Roberta Gomes, que também assina o roteiro. Pabllo Vittar dará um depoimento no projeto.

Jesus Norberto Gomes era comunista e foi uma das primeiras pessoas a pagar 13º salário no Brasil, antes da prática virar lei, dividindo com os funcionários o lucro da empresa desde os anos 1930.

Por conta disso e diante do aparelhamento ideológico da Ancine pelo governo Bolsonaro, a produção corre o risco de ficar sem incentivo e ainda ter vetada a possibilidade de captação do projeto.

(Foto: Reprodução)

Mulher diz ser mãe biológica de Pabllo Vittar e quer fazer exame de DNA

Em abril, uma mulher chamada Selma Pereira viralizou nas redes com vídeo em que afirma ser mãe biológica de Pabllo Vittar. Agora, nesta segunda-feira (26 de julho), ela foi ao programa A Tarde é Sua, de Sonia Abrão, contar sua história.

Ela diz que está procurando por seu filho todos esses anos e explica que não abandonou a criança. Segundo ela, teve o bebê muito nova e não tinha condições de sustentar. “Minha avó deu ele para a Verônica [mãe de Pabllo Vittar]”, contou.

Selma Pereira afirma que tem certeza que Pabllo é seu bebê, visto que a própria irmã adotiva da cantora teria confirmado. Ela também diz que gostaria de fazer um exame de DNA e que já fez diversas tentativas de se reaproximar de Vittar, mas não obteve resposta.

Relembre vídeo que viralizou nas redes:

No vídeo, a suposta mãe biológica da drag queen surge aos prantos e diz que nunca desistiu de procurar seu filho. Ela diz que até já o encontrou no passado, mas não teve coragem de pegar o filho por estar sendo criado por outra pessoa.

Em conversa com Erlan Bastos, do Em Off, Ramira Pereira, a suposta irmã de Pabllo Vittar, afirma que a falta de contato entre as duas fez com que sua mãe entrasse em depressão.

Selma e Ramira, supostas mãe e irmã de Pabllo Vittar (FOTO: Reprodução/O Canal)

VEJA MAIS: Amado Batista põe à venda suas fazendas por R$ 350 milhões!

Confira trechos do desabafo de Selma:

“Meu nome é Selma e morava em Santa Inês com minha avó. Eu engravidei e por a gente ser muito pobre, quando eu tive meu filho, minha avó deu ele. Por muito tempo fiquei a procura dele e teve uma vez que passei em frente a casa dele e uma mulher me chamou, a mãe dele, que é a mãe hoje. Ela me disse ‘Este aqui Selma, é seu filho Pabllo’. E aí eu não tive coragem nem de pegar no meu filho porque eu fiquei muito emocionada de ver meu filho sendo criado por outra pessoa”.

“Eu queria pedir pra vocês me ajudar a chegar até meu filho. O nome da mulher que cria ele é Vera e eu queria muito conhecer meu filho, pedir perdão pra ele e hoje eu sei quem ele é. Mas não é por isto que estou pedindo pra todo mundo me ajudar, porque meu filho é o Pabllo Vittar. Eu queria que todos os fãs dele, a população e todo Brasil curtissem esse vídeo para eu poder chegar até meu filho”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio