Pai de Britney Spears concorda em deixar cargo de tutor

Publicado em 12/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Parece que os fãs de Britney Spears finalmente podem respirar em paz! Após mais de 13 anos, Jamie Spears concordou em deixar o cargo de tutor da fortuna da estrela pop. Em novos documentos legais, ele diz que quer trabalhar com o tribunal em uma transição ordenada. As informações são do site TMZ.

De acordo com o veículo, o advogado de Jamie está entregando à Justiça documentos nos quais diz: “Na verdade, não há motivos reais para suspender ou destituir o Sr. Spears como tutor da fortuna… e é altamente discutível se uma mudança de tutor neste momento seria o melhor para Sra. Spears. “

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

E completa: “No entanto, mesmo que o Sr. Spears seja o alvo incessante de ataques injustificados, ele não acredita que uma batalha pública com sua filha sobre a continuação de seu serviço como tutor seria o melhor para ela. Portanto, embora ele deva contestar esta petição injustificada para sua remoção, o Sr. Spears pretende trabalhar com o Tribunal e o novo advogado de sua filha para se preparar para uma transição ordenada para um novo tutor.”

O advogado ainda afirma: “Independentemente de seu título formal, o Sr. Spears sempre será o pai da Sra. Spears, ele sempre a amará incondicionalmente e sempre zelará pelos melhores interesses dela.”

Ele ainda fala sobre Lynne Spears, mãe de Britney, dizendo que ela teve pouco ou nenhum envolvimento na tutela, muito menos na vida da cantora nos últimos 13 anos. Ele diz que a credibilidade dela está prejudicada porque a própria Britney se recusou até mesmo a ver Lynne quando ela estava em uma clínica de saúde mental em 2019.

O advogado diz que Jamie praticamente salvou Britney quando ela estava “em crise, precisando desesperadamente de ajuda” 13 anos atrás, acrescentando: “Ela não estava apenas sofrendo mental e emocionalmente, mas também sendo manipulada por predadores e em dificuldades financeiras. Sr. Spears veio ao resgate de sua filha para protegê-la.” E alega que nunca a forçou a fazer nada, incluindo apresentações.

O TMZ entrou em contato com o advogado de Britney, Mathew Rosengart, e ele não se mostrou surpreso com a decisão de Jamie de renunciar: “Estamos satisfeitos, mas não necessariamente surpresos, que o Sr. Spears e seu advogado finalmente reconheceram que ele deve ser removido. Estamos decepcionados, no entanto, por seus contínuos ataques vergonhosos e repreensíveis à Sra. Spears e outros.”

Rosengart continua: “Esperamos continuar nossa vigorosa investigação sobre a conduta do Sr. Spears e de outros, nos últimos 13 anos, enquanto ele desviou milhões de dólares dos bens de sua filha, e estou ansioso para levar o Sr. para depor sob juramento em breve. Nesse ínterim, ao invés de fazer falsas acusações e atacar a própria filha, o Sr. Spears deveria se afastar imediatamente.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio