Pai de Britney Spears é acusado de “plantar notícias” negativas no TMZ

Publicado em 30/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um fã clube norte-americano de Britney Spears indicou recentemente ter provas de que o pai de Britney, Jamie Spears, manipulava informações para gerarem notícias negativas a respeito da cantora. Assim o patriarca fazia com que parecesse que a intérprete de “Womanizer” estivesse sempre com uma imagem frágil, precisando de ajuda.

VEJA TAMBÉM: Criador de série famosa DETONA participação de Justin Bieber: “Problemático”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O fã-site que tem mais de 6 mil seguidores no Twitter que também organiza passeatas em prol do manifesto “Free Britney” contou que o Jamie contatava frequentemente um jornalista do TMZ para que notícias negativas sobre a imagem de Britney Spears fossem compartilhadas no veículo. O patriarca seria supostamente a principal fonte do tabloide estadunidense.

“Confirmamos com o fundador do TMZ que Jamie Spears é supostamente a fonte de toda a cobertura negativa sobre Britney no TMZ. Harvey Levin (Fundador do TMZ) teve Jamie no bolso desde o início da tutela.”

Por outro lado, o jornalista Harvey Levin teria optado por descartar informações plantadas pelo pai de Britney, pois renderiam matérias que poderiam causar danos sérios à saúde mental da cantora.

“Harvey supostamente acredita que sua cobertura da saúde mental de Britney a manteve viva. “Se não fosse por mim, Britney estaria morta.”

O fã clube de Britney alega também que o empresário de Britney, Larry Rudolph e Jeff Raymond, publicista da cantora estariam tentando manipular a imprensa com suas narrativas.

“Confirmamos com outro jornalista que Larry Rudolph e Jeff Raymond supostamente mantiveram e mantêm contato frequente com a imprensa para controlar a narrativa.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio