latino musica
O cantor carioca Latino (FOTO: Reprodução)


O músico Latino espera receber mais de R$ 5 milhões após vencer um processo a Rede TV!. Mesmo assim, o cantor pode não ficar com os valores totais. Acontece que o artista vem sendo alvo de três processos, sendo dois deles envolvendo atrasos de pagamento de pensões alimentícias. Um deles está relacionado a um menino no Rio de Janeiro. A outra ação que corre em Minas Gerais e vem sendo representada pela mãe de uma menina. Segundo aponta reportagem do UOL, os débitos somados das ações judiciais seria de mais de R$ 400 mil. Latino, vale lembrar, possui 10 filhos de 10 mães diferentes.

Ao longo do processo judicial de Latino contra a Rede TV!, o músico foi cobrado judicialmente para que a indenização recebida da emissora fosse transferida para um processo de pensão, movido e representado pela mãe de outra filha do músico. Neste caso, Latino acabou quitando, no ano passado, todos valores até então atrasados. Na época, os pagamentos da pensão foram informados à Justiça.

VEJA TAMBÉM: Ludmilla se revolta com caso de racismo sofrido por Neymar: “Olham para sua cor”

Porém, a advogada dessa ação disse ao UOL que o músico atrasou as pensões posteriores aos valores quitados em 2020. “A obrigação alimentar é mensal, ou seja, a cada mês que começa o valor fixado deve ser pago para fazer frente às despesas da menor. O crédito levantado no processo da RedeTV! serviu para quitar uma grande parcela atrasada. Porém, em razão da constante inadimplência do Latino, novo débito foi acumulado e está sendo cobrado por outras vias. Isso causa muitos problemas, como, por exemplo, a necessidade de mudança de escola da menor, por impossibilidade de pagamento de mensalidades”, declarou a advogada.

Vale ressaltar que Latino é pai de Dayanna Maia, Amanda Rocha, Victor Hugo, Guilherme, Suzanna Freitas, Bruna Morais, Ana Julia, Valentina, Bernardo e Matheus. A maior parte dos filhos possui cerca de 20 anos de idade.

Cantor surgiu ao lado dos herdeiros celebrando a data especial
Latino e Bernardo  (Foto: Reprodução)