Paula Toller processa companheiro de Kid Abelha por uso de música em campanha de Fernando Haddad

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De acordo com informações do jornalista Ancelmo Gois, do jornal “O Globo”, Paula Toller resolver processar Leoni, seu ex-namorado e companheiro de Kid Abelha.

A razão? O polêmico uso da música “Pintura Íntima” na campanha de Fernando Haddad em 2018. A cantora chegou a mover uma ação avaliada em 200 mil reais contra o PT e o candidato por causa da utilização da faixa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Na época, Paula entrou com uma ação no TRE-RJ dizendo que não havia autorizado. Agora, a ação contra Leoni é porque, segundo Paula, ele publicou nas redes, “em atitude provocativa e teimosa”, um vídeo em que modificava a letra da música, na véspera do segundo turno”.

Numa gravação amadora ao lado do filho, Leoni substituiu o famoso refrão por “com Manu e Haddad de mãos dadas/chegou a hora da virada”. Paula pede R$ 50 mil por danos morais, além de danos materiais a serem calculados.

VEJA TAMBÉM: Perlla revela que teve depressão e se divorciou por causa de A Fazenda

Em outubro de 2019, na época das eleições, Paula Toller já tinha entrado com uma ação contra Fernando Haddad e contra o PT por causa do uso de trechos do refrão da canção ‘Pintura Íntima’ numa peça publicitária do partido, durante o segundo turno. 

Na época, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) foi favorável à cantora e os vídeos contendo o refrão da música acabaram sendo retirados das redes sociais. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio