O cantor Phil Collins (FOTO: Reprodução)

O cantor Phil Collins está expulsando sua ex-mulher de casa. Fontes próximas ao famoso baterista, cantor e compositor dizem ao TMZ que seu longo e difícil relacionamento com Orianne Cevey está oficialmente acabado.

Segundo publicado pelo site, Phil pediu a ela para desocupar a mansão localizada na Flórida e ela recusou. Em vez disso está ameaçando lançar acusações falsas e embaraçosas sobre ele, a menos que ele renegocie o acordo de divórcio de 2008.

Para que conste – Collins pagou a Cevey US $ 46,76 milhões, as fontes do TMZ dizem que ele não está dando a ela mais nenhum centavo. Ele acredita que ela desperdiçou a fortuna por meio de uma série de investimentos ruins, junto com um divórcio caro do homem com quem ela se casou depois de Phil.

Ainda segundo a publicação Phil Collins deu a seu ex até 15h de sexta-feira para desocupar, mas ela não o fez, e ele diz que ela mudou os códigos de segurança e tem sido indisciplinada com a equipe.

O cantor planeja abrir um processo de despejo assim que os tribunais abrirem na próxima semana.

(FOTO: Reprodução)

VEJA MAIS: Após difícil término com Luísa Sonza, Whindersson Nunes revela solidão

Relembre o caso de Phil Collins e Orianne Cevey: Eles se casaram no final dos anos 90, tiveram dois filhos juntos – Nicholas e Mathew – mas pediram o divórcio em 2006, logo após o nascimento do filho mais novo.

Após o acordo do recorde, Cevey se casou novamente com Charles Mejjati, mas depois se divorciou dele para voltar para Collins em 2016. As coisas pareciam muito boas até alguns meses atrás, quando Orianne se casou novamente com um homem chamado Thomas Bates, dizendo a Phil que ela estava apenas viajando para Las Vegas a negócios.