Plácido Domingo diz que acusações de abuso prejudicaram sua carreira

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O tenor espanhol Plácido Domingo revelou acreditar que as acusações de abuso – tanto sexual quanto psicológico -, desestabilizaram sua carreira.

Segundo as vítimas, Domingo pressionava mulheres que de alguma forma estavam envolvidas em suas óperas para terem relações sexuais com ele. Os casos teriam acontecido na década de 1980.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Babu fala sobre ensinamentos de sua mãe: “Não tem essa de menininho ou menininha”

“Eu nunca prometi um papel a um cantor, nem nunca aceitei o papel de um cantor”, disse ele. “Passei minha vida inteira ajudando e, você sabe, incentivando e impulsionando as pessoas”.

“Quem merecia estar cantando, estava cantando”, finalizou.

FOTO: Reprodução

Ainda de acordo com os relatos, quem não aceitasse as investidas do cantor receberia uma punição. Existe denúncias de beijos forçados em camarins, quartos de hotéis e também em almoços profissionais. Uma das vítimas declarou ainda que Domingo chegou a colocar a mão por baixo de sua saia. 

Para se justificar, Plácido Domingo afirmou que não é responsável pela escalação de elenco, pois isso é função da equipe dos espectáculos.

Ele ainda afirmou que pretende fazer o possível para limpar o seu nome e de sua família.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio