halsey
A cantora norte-americana Halsey (FOTO: Reprodução)

O prestigiado site Pitchfork não se impressionou muito com o disco “Manic”, o novo álbum em estúdio da Halsey. Num artigo opinativo, o veículo deu somente nota 6.5 ao projeto além de fazer algumas críticas negativas.

Escrito a partir de sua própria perspectiva, o terceiro álbum de Halsey transforma a autoconsciência solitária em uma espécie de força. Mas alguns de seus momentos mais atraentes são dominados pelo tédio do pop moderno”, escreveu um editor do site. Halsey parece não ter ficado nada feliz e enviou um tuíte revoltado para o Pitchfork com uma mensagem como: “O porão onde fica a Pitchfork poderia ruir e cair em colapso”, disparou.

Porém a revolta acabou não pegando bem para Halsey. Ao que tudo indica, a empresa musical possui um escritório nada menos que no novo prédio do World Trade Center, local do atentado de 11 de setembro, onde duas torres caíram. Foi o que explicou o jornalista Ben Kesslen, da NBC.

Perdendo a cabeça pensando na pessoa da equipe de Halsey que precisou dizer a ela que apenas estava pedindo o colapso do One World Trade Center”, escreveu o comunicador.

Halsey, então, resolveu se desculpar após apagar a mensagem: “ABSOLUTAMENTE excluí ao perceber isso. estava apenas tentando fazer uma piada! Zero danos pretendidos. Imaginei que eu poderia cutucá-los de volta com a mesma agressão passiva e indiferente com que eles cutucam artistas! Claramente um mal-entendido”, escreveu a cantora em um tuíte já deletado.

VEJA TAMBÉM: Gusttavo Lima bebe demais e revela que passa horas “chupando periquita” da esposa