Polêmica! Pais de Katy Perry bancam viagens de luxo com dinheiro da caridade

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os pais de Katy Perry estão envolvidos em polêmica bastante cabeluda! De acordo com informações do site Daily Mail, Keith e Mary Hudson gastaram 96% das doações feitas para a instituição de caridade que eles dirigem em despesas que incluem ‘retiros’ em hotéis luxuosos, voos, refeições e carros.

Keith e Mary dirigem uma instituição de caridade religiosa, a Keith Hudson Ministries, na qual eles conferências no Hawaii e San Diego e promovem ‘Noites Proféticas’, onde Mary fala em línguas e afirma curar os membros da plateia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Katy Perry, Keith e Mary Hudson (FOTO: Reprodução)

Os documentos que a instituição de caridade apresentou este mês ao serviço de receita do Governo Federal dos Estados Unidos mostram que, em 2019, conseguiu angariar US$ 185.679 (mais de 1 milhão de reais, na cotação atual), mas gastou US$ 178.046 em despesas.

Eles gastaram US$ 6.900 com “hospedagem”, incluindo estadias em hotéis, US$ 8.799 com “viagens”, (incluindo passagens aéreas), U$ 5.516 com “despesas de automóvel” e US$ 7.620 para “refeições” – com uma média de mais de $600 por mês.

Os Hudsons listam também US$ 84.058 para ‘despesas de conferência’, US$ 12.112 para ‘outras despesas’ e US$ 19.448 para ‘dízimos e ofertas’.

Com todas essas despesas, a instituição de caridade ficou com apenas US$ 7.633 (pouco mais de 40 mil reais) em dinheiro no final do ano passado.

(FOTO: Reprodução/Daily Mail)

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira!

O casal realiza conferências em destinos de férias exóticos, incluindo o Havai, Malásia, França, Bélgica, Panamá e Suíça, e usam as doações para patrocinar a participação de vítimas de violência doméstica.

Keith, que costuma se vestir como uma verdadeira estrela do rock, com casacos de couro e sombras envolventes, afirma canalizar o Espírito Santo para dar “dons de cura, milagres operantes, profecia, discernimento de espíritos, e vários tipos de línguas”.

Katy Perry já falou em entrevistas sobre a sua estrita educação religiosa ao crescer. A cantora, inclusive, revelou que costumava ser enviada para o “acampamento Jesus”, onde era encorajada a “rezar pelos homossexuais”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio