Por medo de morrer, passeador de cães de Lady Gaga toma decisão após ser baleado

O funcionário teve que aconteça algo com ele porque os assaltantes ainda estão soltos

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O passeador de cães de Lady Gaga, Ryan Fischer, que foi baleado no peito recentemente, irá mudar de casa. Ele teme por sua vida, já que os assaltantes ainda estão soltos.

Uma fonte contou ao jornal The Sun: “Ryan teria decidido sair de seu apartamento para ir para algum lugar seguro e protegido. Ele não mora mais em sua casa desde que saiu do hospital, está com uma família que está ajudando a cuidar dele durante sua recuperação. Todos na comunidade ficaram abalados com o que aconteceu e nos disseram que ele não tem intenção de voltar. Ele quer estar em um lugar seguro e protegido, especialmente quando o atirador ainda está foragido e a polícia está investigando. Todo mundo espera que ele possa seguir em frente e ser capaz de fazer seu trabalho e viver sua vida o mais normal possível de novo”, comentou o informante. 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: Bomba! Ariana Grande e BTS podem lançar parceria em breve!

Os dois cachorros de Lady Gaga – Koji e Gustavo – foram encontrados e devolvidos dois dias após o ataque. Sobre a relação entre o funcionário e a cantora, a fonte disse: “Ela está muito agradecida com ele por sua lealdade, por sua amizade, por se arriscar. Ela continuará ajudando-o financeiramente”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio