michael jackson
O cantor norte-americano Michael Jackson (FOTO: Reprodução_

Muitos espectadores de uma das cenas mais emblemáticas da vida de Michael Jackson temiam que o astro de 44 anos deixasse o bebê cair do Hotel Adlon, embora ele tenha trazido a criança de volta para dentro em segurança

Muitas pessoas ficaram bastante aborrecidas com o fato de Michael no dia 20 de novembro de 2002 expôr seu filho Blanket ainda bebê ao perigo ao segurar somente com uma mão a criança durante uma estadia no quinto andar dum hotel de luxo em Berlim. A forma com que o astro segurava a criança realmente parecia que ele poderia deixar o bebê cair 4 andares abaixo. Mas por qual razão o Rei do Pop teria agido de tal forma?

VEJA TAMBÉM: Assassinato na família de Michael Jackson teria sido causado por herança milionária

(FOTO: Reprodução)

O fato dele ter segurado o filho estando de 2 a 4 andares do térreo foi com certeza um dos fatores que mais colaboraram para a preocupação das pessoas. Se ele estivesse mais perto do chão, não teria sido com certeza um grande “frisson” midiático.

(FOTO: Reprodução)

Vale lembrar que Michael Jackson, naquela época, estava envolto numa rotina de escândalos midiáticas e acusações que manchavam o seu legado. Não era a primeira vez que os meios de comunicação social noticiavam que Michael Jackson maltratava crianças. Ao longo de toda a sua carreira, desde que passou algum tempo com Jordie Chandler, uma série de afirmações pesadas sobre o abuso e agressão sexual de crianças lhe acompanhariam. Se fosse qualquer outro famoso num contexto diferente será que tal cena teria adquirido tanto peso como ganhou?

(FOTO: Reprodução)

Este pequeno caso de suposto abuso sexual com o garoto é a razão pela qual Michael até recebeu a reputação de pedófilo e predador de crianças. E é uma das principais razões do episódio do hotel ter adquirido proporções tão histéricas. O evento da criança na varanda poderia ter tido muito menos impacto na mídia se este suposto caso de abuso sexual não tivesse realmente entrado e se sedimentado para todo sempre na vida de Michael.

(FOTO: Reprodução)

Alguns fãs apontam ainda que Michael Jackson não estaria “pendurando” a criança naquele momento. Ele apenas estaria mostrando o seu bebê à multidão abaixo dele. Para o cantor tudo parecia ser um espetáculo ou algo para causar alguma reação na plateia e ali não foi diferente.

Muitas das excentricidades de Jackson vão contra a disciplina rigorosa de seu próprio pai. Com seus próprios filhos, Michael foi rígido mas de uma maneira infinitamente mais afetiva e humana. Ele foi decididamente contra palmadas, e, em algum lugar dentro da névoa obscura de sua mente perspicaz, existe uma sólida determinação de que seus filhos deveriam ter a criação mais normal possível. O que explica o astro tentando esconder seus filhos com máscaras e cobertores a todo custo e tentando mantê-los em privacidade. Existe ainda a linha narrativa, onde Michael Jackson só pôde ser criança quando era adulto. Nesta premissa, Michael teria sido forçado desde os primeiros anos de vida a obedecer uma rotina exaustiva de um adulto compromissado o que acabou lhe roubando completamente a infância.

(FOTO: Reprodução)
(FOTO: Reprodução)

PEDIDO DE DESCULPAS DO ASTRO

Horas após o incidente na varanda, a BBC noticiaria que Michael Jackson admitiu ter cometido um “terrível erro” ao “pendurar” seu bebê na varanda do luxuoso hotel enquanto cumprimentava os fãs. “Fui apanhado pela excitação do momento. Eu nunca colocaria intencionalmente em perigo a vida dos meus filhos”, disse Jackson.

O amigo íntimo do cantor, o médium Uri Geller, condenou as ações de Jackson mas não acreditou que ele fosse capaz de fazer mal a uma criança. “Eu simplesmente não colocaria nenhuma criança sobre um corrimão a tal altura”, disse ele. “Acho que foi uma coisa ingênua. Provavelmente agiu assim porque estava emocionalmente dominado pelos fãs”.

Michael Jackson, Paris, Prince e o pequeno Blanket (FOTO: Reprodução)
Prince Jackson on Working With Brother Bigi & Following His ...
Prince Jackson e o irmão Blanket Jackson (FOTO: Reprodução)