Rennan da Penha
O DJ e produtor carioca Rennan da Penha (FOTO: Reprodução)

Liberado do presídio Bangu 9 no último sábado (dia 23), depois de ser beneficiado por uma decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), o DJ Rennan da Penha celebrou a liberdade numa festa ao lado de muitos amigos.

Através do seu Instagram, o funkeiro publicou um clique onde aparece ao lado de seu advogado, Allan Caetano Ramos, e agradeceu o jurista: “Muito obrigado por tudo. Lutou para me tirar daquele lugar. Meu advogado”, escreveu.

Já em vídeos publicados no Stories, Rennan da Penha aparece se divertindo ao lado do cantor Nego do Borel e de outros rapazes, ouvindo funk e próximo a uma mesa cheia de garrafas de bebidas alcoólicas e latinhas de energético.

Em abril, Rennan da Penha foi condenado a seis anos e oito meses de prisão em regime fechado por associação ao tráfico de drogas. Anteriormente, o DJ e produtor já tinha sido inocentado do crime em primeira instância por falta de provas, mas a acusação recorreu e ele acabou sendo preso.

VEJA TAMBÉM: MC Gui é acusado de maltratar outra criança com câncer

Rennan chegou a ser acusado de atuar como “olheiro de traficantes”, por supostamente avisar os criminosos a respeito da movimentação da polícia na comunidade. Quando foi preso, o músico comentou a acusação:

Me acusam de olheiro, que dava informações por onde a polícia passava naquela comunidade. Mas foi um mal-entendido devido que todo mundo se comunica na comunidade. Toda vez que tem uma operação todos os moradores se comunicam, entendeu? Colocaram isso como se fosse atividade do tráfico”, afirmou na delegacia.