Bemti
O cantor e compositor mineiro Bemti (FOTO: Reprodução)

O primeiro disco de Bemti, “era dois”, colocou o mineiro em várias listas de melhores lançamentos de 2018 e rendeu uma turnê que passou por 9 estados e 3 países (inclusive festivais como o Bananada e o Timbre). 

Durante o mês de Março, uma turnê acústica, que acontecia no Nordeste, foi interrompida devido à pandemia do Covid-19 e, por isso, importantes shows de encerramento desse ciclo, que aconteceriam em Abril e Maio (no estado de São Paulo e em Portugal) foram cancelados.

VEJA TAMBÉM: Cantora diz que sua casa é ‘assombrada’ por fantasmas; veja vídeos!

Do planejamento inicial, se manteve a ideia de lançar uma edição especial do primeiro disco, com 5 faixas extras, para celebrar esses dois anos de estrada.  O disco “era dois 20,20” (lê-se vinte vinte) chega num momento em que Bemti se prepara para gravar o segundo disco, que foi selecionado pelo edital Natura Musical, intitulado “LOGO ALI”. 

Com participações especiais dos quatro cantos do Brasil – Johnny HookerTuyoNatália Noronha (Plutão Já Foi Planeta), Marisa Brito e Fernanda Kostchak (Vanguart) – Bemti criou o disco “era dois” usando a viola caipira de 10 cordas como base de um som diverso que ele apelidou de “queer-synth-folk”. O disco foi elogiado principalmente por sua originalidade sonora e a densidade emocional de suas letras e temáticas, um ponto de vista abertamente gay, mas de identificação universal. A produção é do multi-instrumentalista goiano Luis Calil, líder das bandas Cambriana e Ara Macao.

As faixas bônus são “Vira Sol”, lançada como single no último dia 15 de Maio e gravada especialmente para essa edição. “S.O.S.”, versão de uma canção de Guilherme Arantes sobre solidão, transformada numa “trilha de ficção científica” com o choque entre viola caipira e sintetizadores.

View this post on Instagram

📸: @barro

A post shared by Bemti (@bemtii) on

Outro (DJ Nato_PK Remix)”, remix inédito da faixa já conhecida, que tem participação da banda Tuyo; “Eu te Proíbo de Ter Esse Poder Sobre Mim (CyberKills Remix)” e “Tango feat. Johnny Hooker (Ara Macao Forró Remix)”, dois remixes lançados em 2019 e que foram bem celebrados pelo público de Bemti.