robbie williams
O cantor britânico Robbie Williams (FOTO: Reprodução)

Robbie Williams surpreendeu os fãs ao revelar ter negado nada menos que um convite dos legendários Brian May e Roger Taylor para ser o vocalista do Queen. O chamado teria sido feito antes que Adam Lambert se juntasse ao grupo. O cantor inglês fez a revelação à rádio norte-americana Sirius XM. O grandioso convite, feito tanto pelo guitarrista quanto pelo baterista do Queen, ocorreu em 2001, logo após da regravação do clássico “We Are The Champions” para o filme “Coração de Cavaleiro”, estrelado por Heath Ledger.

De acordo com Robbie Williams, a principal razão para a recusa foi surpreendentemente sua sua baixa autoestima. “Embora eu seja muito confiante diante do microfone, tenho baixa autoestima. Sentia que eu estava poupando o Queen da minha audácia de tentar subir em um palco para incorporar um ícone como Freddie Mercury. Para mim, ele é angelical. É divino. Fiquei assustado demais”, disse o cantor.

VEJA TAMBÉM: Gusttavo Lima bebe demais e revela que passa horas “chupando periquita” da esposa

Robbie Williams também aproveitou a oportunidade para rasgar elogios ao atual vocalista da banda, Adam Lambert. “Se Adam não fosse a pessoa amável que é, eu ficaria com medo dele, tamanho o talento que ele possui. A voz dele é incrível, assim como a performance. E é uma ótima pessoa. Fico muito feliz quando conheço pessoas que têm um talento enorme e, ao mesmo tempo, são legais. É bem melhor do que conhecer talentosos idiotas, porque você passa a odiar o que essas pessoas fazem”, declarou. O ex-American Idol participa do grupo de rock desde 2011 e lançou um EP ao vivo com músicas novas no ano passado.