Roubo? Rapper processa Nicki Minaj em US$ 200 milhões por música

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nicki Minaj está vivendo uma das melhores fases de sua vida pessoal: há 3 meses, a rapper deu à luz ao seu primeiro filho com o também rapper Kenneth Petty. Mas, nem tudo são flores na vida profissional da estrela.

De acordo com o veículo TMZ, o rapper conhecido como Brinx Billions está processando Minaj em 200 milhões de dólares, alegando que a artista teria “roubado” a canção “Rich Sex” dele.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ele conta que tocou a música para Nicki em algum momento antes de 2016 e ela alogiou a faixa, dizendo que seria “extremamente comercializável e que se tornaria um sucesso global”. No entanto, ela teria gravado canção e colocado no álbum “Queen” sem dar os devidos créditos.

Foto: Reprodução

VEJA MAIS: Empresário se arrepende de festa na casa de Elba Ramalho: “Pedi desculpas”

Ainda de acordo com o TMZ, o rapper está creditado como escritor da música na ASCAP (Organização que protege o direito autoral das obras de artistas musicais). No entanto, como descrevem os documentos do processo, ele insiste em aparecer como único compositor de “Rich Sex”. Além disso, ele afirma que a música de Minaj tem notas musicais, arranjo, ritmo e batidas musicais muito semelhantes ao que mostrou para a estrela.

Brinx está a processando Nicki Minaj juntamente com a Universal Music Group, Young Money, e Cash Money por danos. Até o momento dessa publicação, nenhuma das partes se pronunciou sobre o assunto.

Ouça “Rich Sex”:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio