A banda Restart. (Foto: Reprodução)

O ano era 2010 e uma fã de Restart ficava revoltada com o cancelamento de um show da banda e exclamava por justiça em uma entrevista, dizendo que aquilo era “uma p*ta falta de sacanagem” ao invés de apenas “p*ta sacanagem”.

Dez ano depois desse acontecimento, a jovem chamada Georgia Massa resolveu desabafar sobre o acontecimento para a BBC.

“Eu achava que o vídeo teria repercussão naquele momento e as pessoas esqueceriam em dias ou semanas. Mas teve uma repercussão muito maior do que eu imaginava”, disse.

E continuou: “Havia muita gente. Ninguém sabia que passaríamos horas ali. Estava calor e eu não tinha comido nada. Passei muito mal”.

VEJA TAMBÉM: Fãs pagam R$837 para live de Avril Lavigne e se decepcionam; saiba mais!

O encontro de fãs com o Restart foi cancelado pois o evento foi preparado para 250 pessoas – e acabou aparecendo 10 vezes mais que o esperado.

Georgia afirma que estava sentada em uma calçada próxima ao local, quando a repórter se aproximou e perguntou se ela queria falar sobre a situação. “Eu aceitei. Na loucura e chorando, falei besteira”, confessou.

E ainda acrescentou: “Eu sofri bullying, por causa do vídeo. As pessoas riam de mim e me taxavam como burra. Ainda assim, eu dizia que queria ser famosa”.

“Se eu pudesse ter aproveitado melhor aquela fama e tivesse feito mais trabalhos na época, poderia ter conseguido um dinheiro legal. Mas não aproveitei esse período como poderia”.