Sadomasoquista: Hit sexual de Deize Tigrona bomba no Tiktok

Publicado em 23/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na última semana, muita gente ficou com os versos na cabeça: “Vem de chicote, algema, corda de alpinista, aí que eu percebi que o cara é sadomasoquista”. A letra, provocante e cômica, foi escrita por Deize Tigrona em 2000, mas depois de alguns vídeos no Tik Tok, o remix da música com S&M da Rihanna, produzido pelo DJ André Pinho em 2015, viralizou entre jovens que em sua maioria ainda não conheciam a artista. Em um dia, os números no YouTube do remix aumentaram em mais de 150 mil visualizações novas.

“Saber hoje que a música está viralizando no Tik Tok, isso para mim é impressionante, a música é de anos, até mesmo antes da música da Rihanna. Ver hoje a galera que tem 20 anos, adolescentes, até vovós… não tem prazer maior!”, comemora a artista.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deize Tigrona, funkeira da Cidade de Deus, completa esse ano 22 anos de carreira no funk carioca, já fez turnês pela Europa, já se apresentou no Rock In Rio Lisboa em 2008, Boiler Room Festival Londres e em outros festivais. Foi uma das primeiras artistas do funk notada internacionalmente, tendo sido sampleada por M.I.A e Diplo no início dos anos 2000. Se hoje vemos uma expansão do funk no mercado internacional, Deize foi uma das primeiras a abrir essas portas. Depois de alguns anos parada, cuidando da família e de sua saúde mental, Deize Tigrona retornou à carreira em 2019 ao ser assinada pela BATEKOO Records – selo musical independente da plataforma de culturas negras e LGBTs, BATEKOO. Junto com o selo, Deize trabalha em seu novo álbum com músicas inéditas, que contará com participações especiais e será lançado até o final do ano.

CONFIRA TAMBÉM: “Industry Baby”: Lil Nas X lança música produzida por Kanye West

Sadomasoquista, a música viral, é um dos sucessos antigos da Deize que infelizmente ainda não está nas plataformas digitais. “Estou sofrendo muito por isso, porque por mais que eu seja uma artista dos anos 90, me sinto mais atual do que nunca. Não ter a música nas plataformas digitais me dói muito, pois são muitos fãs pedindo, mas estamos em conversa com o DJ Marlboro e a previsão é disponibilizá-las até o final de agosto”, conta Deize Tigrona.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio