sandy
A cantora Sandy (FOTO: Divulgação)

A cantora Sandy fez uma revelação de quando protagonizava a novela Estrela-Guia em 2001, pela Rede Globo. A trama por sinal, está disponível desde o início do mês na Globoplay. Sandy conta que precisou gravar uma sequência em que sua personagem se afogava, o que para ela foi horrível.

No episódio da série documental Sandy e Junior: A História, a cantora revelou o pavor e constrangimento em gravar a cena. “Foi a cena que eu fiz pior na minha vida. Olhei aquilo e falei: ‘Credo, que péssima atuação, odiei’. Não consegui. Pra não me afogar mesmo, pra não entrar água no nariz, eu não consegui fazer uma boa atuação. Estava mais preocupada em não me afogar do que em atuar, então foi horrível“, confessa.

A série sobre os bastidores da história da dupla também está disponível no Globoplay. “Mas foi a única que realmente acho que ficou péssima. Hoje, óbvio, não acho que eu fui uma excelente atriz, acho até que melhorei bastante de lá pra cá, e tenho muito que melhorar ainda. Mas eu olho e falo: ‘Pô, tá decente‘”, completa.

LEIA TAMBÉM: Aos 50 anos, Armandinho revela segredos de bem-estar: “Bagulhinho, alimentação e yoga”

Toda a história da novela Estrela-Guia foi um projeto pensado e feito para Sandy. Aos 18 anos, já com um papel na série Sandy & Junior (1999-2002) e com a carreira musical no auge, ela surpreendeu os pais ao aceitar o convite. “Foi puxado, minha família ficou muito preocupada. Eu fiquei tensa porque eu nem tinha estudado atuação, dramaturgia, nunca tinha feito um curso de teatro“, revelou Sandy.

Noely Lima, mãe de Sandy também comenta o momento: “E eu saí chorando, falei: ‘Não, mais coisa não.” A participação de Sandy na novela rendeu botas de que ela teria privilégios, até seu primeiro beijo em cena. “Diziam que eu não dividia nada com ninguém, não almoçava com ninguém. Essa foi a fofoca com que eu fiquei mais nervosa“, disse a cantora.

Os atores Fernanda Rodrigues e Rodrigo Santoro, que também atuaram na novela, defenderam a cantora e amiga até hoje, e disse que ela sofreu muita pressão naquela época, mas soube se sair muito bem.

Às vezes as pessoas têm dificuldade em separar, porque ela já era uma cantora muito famosa, não conseguiam separar a personagem da cantora, e foi dessa mistura que surgiram muitas críticas. Mas, exatamente pela postura dela [de educação], acho que o fato de ter pouca experiência atuando não fez muita diferença. Acho que ela foi superbem“, afirmou Santoro.