Nesta quarta-feira (06), apoiadores radicais do presidente dos EUA,Donald Trump, invadiram o Capitólio, sede do Congresso norte-americano, em Washington. Selena Gomez foi uma das famosas que decidiu expressar sua indignação diante do evento.

A atriz e cantora postou um texto no Twitter em que responsabiliza os donos das principais redes sociais dos Estados Unidos pelas violentas manifestações. Ela se dirigiu a Mark Zuckerberg e Sheryl Sandberg (do Facebook) Jack Dorsey (do Twitter) Sundar Pichai (do Google) e Susan Wojcicki (do Youtube) em um texto que diz:

VEJA MAIS: Beyoncé e Cardi B se manifestam após invasão em Congresso nos EUA

“Hoje resulta da permissão para que pessoas com ódio em seus corações usem as plataformas, que deveriam ser usadas para unir as pessoas e construir comunidades.”

“Vocês todos falharam com o povo americano hoje, e espero que consertem as coisas”, compartilhou Selena Gomez, marcando todos os nomes”

Confira: