justin bieber
O cantor canadense Justin Bieber (FOTO: Reprodução)

Em setembro de 2020, Justin Bieber lançou o clipe de “Holy“, onde em determinado momento, o músico surge às 5 da manhã, para ir trabalhar numa construção como encanador. Para caracterizar a cena, ele surgiu com o rosto ‘sujo’, demonstrando ser um trabalho braçal pesado.

Contudo, como todos sabemos o músico além de milionário, fica mais rico a cada minuto que passa. Isso fez com que o site Pitchfork publicasse uma longa crítica ao vídeo.

Justin Bieber criticado
(FOTO: Reprodução)

VEJA TAMBÉM: Criador de série famosa DETONA participação de Justin Bieber: “Problemático”

Leia abaixo o que o site Pitchfork falou sobre o músico:

Em meio a uma crise que continua a aumentar a lacuna de renda na América, Justin Bieber foi outra celebridade revelando sua riqueza impensadamente. Na primavera, Bieber, sua esposa Hailey e Kendall Jenner participaram de uma conversa no Instagram Live sobre a discrepância de classes durante a pandemia. ‘Quão abençoados somos?’, Bieber perguntou, seu teto abobadado se elevando ao fundo, reconhecendo sua riqueza absurda“.

Ele rapidamente moderou o sentimento com o raciocínio rápido: ‘Muitas pessoas, obviamente, nesta época têm uma situação ruim. Eles olham para nós e, obviamente, trabalhamos duro para saber onde estamos, então é como se não pudéssemos nos sentir mal pelas coisas que temos’. Não foi totalmente surpreendente ouvir celebridades distantes tentando acalmar umas às outras sobre seus estilos de vida ostentosos, mas a necessidade de transmitir esse discurso pode ser desconcertante. Em meio à perda recorde de empregos, ouvir estrelas infantis milionárias parabenizando sua própria ética de trabalho foi especialmente notório“, completa.