Tiago Iorc
O cantor brasiliense Tiago Iorc (FOTO: Reprodução)

Tiago Iorc foi o convidado especial do programa Conversa com Bial transmitido pela Rede Globo, na madrugada desta terça-feira (14). O cantor fez algumas revelações, uma delas, foi que ele se arrependeu de ter brigado com a dupla Anavitória, por conta da liberação da música Trevo. O cantor comenta a polêmica envolvendo o duo e o ex-empresário Felipe Simas.

Na época, teve uma enorme polêmica, e Iorc foi acusado de não liberar o uso da música para um novo projeto da dupla Anavitória. Tudo começou após a dupla dizer em uma live que estava enfrentando problemas com a liberação de músicas compostas com Tiago Iorc.

Mais tarde, também foi divulgado que teria mais outras três músicas que estariam sendo barradas pelo cantor. Segundo Ana Caetano, compositora de Trevo junto com ele, o cantor não liberou essa e outras três músicas que também têm a autoria dele para o novo projeto delas. As músicas são: Porque Eu Te Amo, Agora Eu Quero Ir e A Gente Junto.

O cantor também garantiu que a situação já foi resolvida. “As músicas já foram liberadas e o processo está se caminhando pra uma resolução“, disse Iorc. Questionado sobre o perído de ausência das redes sociais, Iorc diz: “Em um primeiro momento, eu relutei bastante a decisão e logo que tomei a decisão me arrependi muito“, iniciou ele ao jornalista, que continuou: “Naquele primeiro instante, eu senti uma inércia de querer voltar, de continuar fazendo o que eu estava fazendo e de que era preciso estar presente para não me anular“, disse.

LEIA TAMBÉM: Tiago Iorc explica sumiço e fala em arrependimento na carreira

Ao final, ele fala que com o passar do tempo foi aceitando a sua decisão. “Depois, senti um alívio absurdo quando aprendi o lado extremo oposto: de que aquela superexposição não era tão interessante, não era tão importante e comecei a reencontrar prazeres que eu tinha esquecido há muito tempo“, relata.

Tiago Iorc sumiu das redes sociais e da vida pública entre os períodos de janeiro de 2018 e maio de 2019, quando ele decidiu fazer uma pausa na carreira, que aliás, estava no auge. “Senti que era o momento de relaxamento, de dar uma pausa, de reencontrar esses prazeres, a simplicidade e onde estão os propósitos”, completou Tiago, também dizendo que reaproximou da música novamente, com ajuda de um piano.