Usando meme, Pabllo Vittar manifesta apoio a Haddad no segundo turno

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pabllo Vittar decidiu manifestar apoio ao candidato Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições presidenciais. A cantora maranhense postou um meme na sua conta oficial no Instagram, com um vídeo onde uma modelo troca de roupa e traz os dizeres “Ciro” e “Haddad”. A modelo então descarta o primeiro modelito em cor preta e assume a cor vermelha no novo visual.

Na legenda da publicação, Pabllo Vittar compartilhou a seguinte hashtag sugerindo que terá um voto direcionado àquela opção que lhe soa mais próxima a questão dos direitos humanos (#PeloDireitodeTodos). Confira o vídeo abaixo:

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Nós LGBTI queremos ser vistos como pessoas” afirma Pabllo Vittar após vitória de Bolsonaro

Pabllo Vittar vem sendo alvo de um ataque promovido por eleitores do candidato à presidência Jair Bolsonaro, após um mutirão se organizar nas redes sociais contra a cantora. O objetivo do grupo é criar uma grande quantidade de dislikes no novo clipe de trabalho da artista, o vídeo “Disk Me” lançado recentemente.

Após o motim, a opção “Não gostei” do vídeo chega a acumular até o momento cerca de 110 mil “dislikes” dentre os seis milhões de visualizações que o vídeo já ultrapassa. Apesar da campanha do boicote, a produção que tem direção da prestigiada dupla Os Primos, apresenta mais de 250 mil likes.

VEJA TAMBÉM:  Fãs resgatam entrevista de Ivete Sangalo sobre posicionamento político

Nos comentários do vídeo, um dia após a vitória de Jair Bolsonaro no primeiro turno, Pabllo Vittar se manifestou sobre a onda de ódio que já chegou a enfrentar por ser LGBT.

(FOTO: Reprodução)

“Ninguém nasce odiando outra pessoa por causa da cor da sua pele ou sua origem, sua sexualidade ou religião. As pessoas devem aprender a odiar, e se eles podem aprender a odiar, podem ser ensinados a amar, pois o amor chega mais naturalmente ao coração humano do que o seu oposto.

Nós LGBTI, antes de sermos compreendidos como seres providos de personalidade e individualidades, somos primeiro apontados como sendo ‘não hétero’ ou ‘não cis’. As cores de nossas bandeiras ainda incomodam muitos. Para a sociedade, nossas identidades se iniciam em classificações. Queremos ser vistos como pessoas, e não como categorias”.

Vale lembrar que a performer chamou a atenção recentemente por cancelar a parceria com uma marca de calçados que declarou apoio a Bolsonaro. Além disso, Pabllo também mostrou o seu apoio à campanha “#EleNão” ao fim da sua performance no Prêmio Multishow no último dia 25.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio