Vagina, Bolsonaro e Whindersson: os segredos do novo álbum de Luísa Sonza

Músicas de "DOCE 22" trazem mensagens secretas

Publicado em 11/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Luisa Sonza lançou seu segundo álbum de carreira, “DOCE 22”, em 18 de julho. Com 14 faixas, o projeto agradou os fãs e rendeu recorde de streaming à cantora gaúcha. O que muitos não sabem, no entanto, é que o disco guarda alguns segredos.

Luísa Sonza escreveu “penhasco.” para Whindersson?

A faixa “penhasco.” é apontada por muitos como um desabafo de Luisa Sonza sobre seu divórcio do humorista Whindersson Nunes.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na letra, a artista diz que tentou manter um relacionamento enquanto a outra pessoa estava distante. “Sabia que a queda era grande / Mas tive que pular /  Queria que a gente fosse mais alto / Quando segurei sua mão você soltou a minha / E ainda me empurrou do penhasco”, canta Luísa.

A cantora, inclusive, fez um desabafo na web sobre a faixa ter quase ficado de fora do disco. “Comecei a escrever essa voltando de uma viagem pro México. Essa música é um desabafo. Tem muito sentimento nela. Sinto que só consegui colocar um ponto final neste período da minha vida depois de cada palavra dita nessa canção”, disse ela.

Luísa Sonza teria mandado recado para Bolsonaro em “INTERE$$EIRA”

 Durante participação no canal da youtuber Foquinha, a cantora gaúcha fez uma revelação surpreendente sobre a faixa “INTERE$$EIRA.” Luísa contou que deixou uma mensagem escondida no começo da música. Antes de disparar “Put*, vagabunda, interesseira”, ela diz uma frase de trás para frente.

Fãs logo começaram a tentar decifrar e surgiram diversas teorias sobre o que a cantora teria falado no hit. Muitos internautas apostaram que ela fez uma crítica política, soltando “Fora, Bolsonaro”.

Luísa Sonza enaltece a própria vagina em “2000 s2”

Uma das músicas que caiu nas graças de muitos fãs foi a empoderada “2000 s2”, que é inspirada no pop dos anos 2000 de Britney Spears. Na faixa, Sonza faz referência à sua própria genitália. Ela canta sobre o fascínio que exerce nos homens, ao dar um verdadeiro “chá viciante”.

“Tá viciado no meu chá / Se lambuzando no meu chá / Baby eu sei que te excito / Tá viciado no meu chá / Se lambuzando no meu chá / Baby eu sei que te excito / Com quem eu não faço isso”, diz trecho.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio