valesca popozuda
A cantora Valesca Popozuda (FOTO: Divulgação)

A cantora Valesca Popozuda sempre se posicionou a favor das mulheres em todas suas lutas, e no Carnaval não foi diferente. Na última segunda-feira (24/02) Valesca falou à revista Quem sobre feminismo e o assédio em época de Carnaval.

VEJA TAMBÉM: Irmã gêmea? Garota idêntica à Anitta viraliza na web e ganha milhares de seguidores

A cantora disse: ” Todos os dias a gente tem que lutar contra o machismo, o assédio. Eu posso estar de short curto, de peito de fora, pelada e as pessoas têm que respeitar. Meu corpo, minhas regras e eu faço o que quiser” e continuou, afirmando que o que as mulheres mais querem é respeito.

Valesca Popozuda, que tem um repertório forte e muitas vezes exaltando mulheres se diz orgulhosa do seu repertório e se sente feliz quando ve mulheres se inspirando nela e em suas letras. Eu me sinto muito feliz quando vejo que mulheres dizem que se inspiram em mim e nas minhas músicas. Eu digo sempre nas minhas letras o que muitas não conseguem ou têm vergonha de falar“.

Por fim, a funkeira ressaltou que as mulheres não devem se preocupar com o que pensam a respeito delas. “A gente tem que colocar a voz no mundo, não podemos ter vergonha do que as pessoas vão pensar“, finalizou.