Vanusa: Uma vida marcada por violência e trauma

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vanusa foi uma das artistas mais consagradas do país, dona de diversos hits nos anos 70, estrela de um musical no fim dos anos 90 e aclamada em diversas apresentações.

Neste domingo (08), o Brasil ficou devastado com a notícia de que a cantora, de 73 anos, havia morrido após enfrentar por anos diversos problemas de saúde.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A artista teve uma vida marcada por muito sofrimento. Após enfrentar seis divórcios e dependência química, a estrela também teve um grave quadro de depressão.

VEJA TAMBÉM: Aos 68 anos, pai do cantor Léo Santana morre em Salvador

Forte, a cantora disse que o motivo para suas separações tinham a ver com o fato de que seus maridos não a queriam cantando, o que segundo ela, era inadmissível.

Em 1999, Vanusa escreveu uma autobiografia, onde revelou detalhes tristes sobre sua vida: “Vou me expor e confessar que fui covarde porque apanhei de alguns maridos e não os denunciei para não prejudicar minha carreira”.

Durante sua vida, a cantora também revelou que seus ex-maridos Augusto Vannucci e Francisco Machado Cotta; e até mesmo seu próprio pai a agrediram.

Segundo o Google Books, “o livro aborda, sob o ponto de vista feminino, o papel da mulher no controle de sua vida e emoções”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio