Vítima da Covid-19, cantora deixa apelo desesperado antes de morrer

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Covid-19 faz mais uma vítima: a cantora americana Kyanna Sutton, que tinha apenas 28 anos. Ela faleceu na última semana, após ficar internada por 16 dias em um leito de UTI. Familiares e admiradores da artista lamentaram a morte.

Assim que foi diagnosticada com a doença, a artista tentou se manter positiva e acreditava que iria conseguir se recuperar da enfermidade. No hospital, Kyanna continou fazendo publicações nas redes sociais e gravou vídeos para seus fãs.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma das publicações, ela faz apelo desesperado, pedindo para que as pessoas tivessem mais cuidado para não serem infectadas pelo vírus:

“Eu mal consigo me mover sem perder completamente o fôlego. Estou dormindo e acordando, minha respiração me acorda. Parece que alguém está pisando no meu peito e nas minhas costas. Acho que as coisas pioram antes de melhorar. Por favor, tenham cuidado”, disse ela.

(FOTO: Reprodução)

VEJA MAIS: Ironia? Preta Gil posa de biquíni e uso de Photoshop diverte a web

Durante a internação, Kyanna Sutton precisou de oxigênio e fez uso de respiradores, até que sua mãe permitisse aos médicos que desligassem seus aparelhos de suporte à vida. 

Após a morte, a mãe da cantora fez uma publicação emocionante nas redes sociais, relembrando os momentos finais ao lado da filha.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio