wesley safadao
O músico cearense Wesley Safadão (FOTO: Reprodução)

O compositor Jonnas Alves abriu um processo contra Wesley Safadão por conta de danos morais e materiais. Ele afirma que o cantor não pagou pela música ‘Vaqueirinha Maltrata’, lançada em 2018.

Em entrevista ao Metrópoles, Jonnas revelou: “Nossa amizade era boa até então. Já gravou 8 músicas minhas, mas em 2019 resolveu ganhar Vaqueirinha Maltrata para o CD Diferente Não, Estranho; e não fez o acerto comigo“.

Ele ainda afirma que tentou entrar em contato com a empresa de Wesley Safadão, mas não teve sucesso: “É claro que, depois disso, procuraria os meus direitos, né? Fiz de tudo para resolver as coisas na paz, mas o Safadão não quis agir assim“.

VEJA TAMBÉM: Ex de Biel culpa mãe do cantor por seu comportamento: “Sinto pelo que sua mãe fez com você com apenas 13 anos”

Para a Justiça, Jonnas Alves pede número corresponde à quantidade de vezes que a canção foi ouvida e baixada: R$ 4,5 milhões. Segundo informações, a música foi acessada e baixada por 1.57 milhão de pessoas. Além disso, os advogados do compositor pedem ainda R$ 200 mil por danos morais.

Procurado pela coluna de Leo Dias, Marcos Benevides, advogado de Safadão afirmou que ele está proibido de falar sobre o assunto: “O processo está com o departamento jurídico“.

Nós iremos analisar toda a documentação e, então, vamos elaborar a defesa de Safadão. Qualquer manifestação será feita somente após essa análise“, afirmou.