xand aviao
O músico potiguar Xand Avião (FOTO: Reprodução)

Nesta terça (dia 3), foi negado pela Justiça da Paraíba um recurso da decisão judicial que condenou o cantor Xand Avião a pagar R$ 15 mil de indenização. O músico foi processado após chamar um homem de “corno, chifrudo e gaiudo” em um show da banda na Paraíba.

Segundo informações do site G1 da Paraíba, a desembargadora Maria das Graças Morais Guedes manteve a decisão em primeira instância que havia imposto o pagamento por danos morais. 

De acordo com a desembargadora, a defesa de Xand Avião não chegou a apontar de maneira específica quais foram os pontos da decisão em primeira instância deveriam ser revistos. 

VEJA TAMBÉM: MC Gui é acusado de maltratar outra criança com câncer

A juíza Silvana Carvalho Soares, na sentença, frisou que as ofensas verbais, “sem sombra de dúvidas, acarretam lesões íntimas e psíquicas que vão além de meros aborrecimentos”. 

Segundo o site Rolling Stone Country, a desembargadora destacou também que os fatos apresentados pelo autor se encontram devidamente demonstrados nos autos através de vídeos, áudios e imagens veiculadas nas redes sociais, onde é possível aferir, de maneira inquestionável, a repercussão na esfera moral do demandante.