xuxa
A apresentadora Xuxa (FOTO: Reprodução)

Recentemente, o apresentador Sikêra Jr. criou uma polêmica envolvendo o nome de Xuxa. Durante cerca de dez minutos, o jornalista acusou a loira de pedofilia e apologia ao uso de drogas.

E a artista não deixou isso barato! Ela pede na Justiça a cassação do título de jornalista do apresentador, sua demissão da RedeTV!, e uma indenização de R$ 500 mil – que ela pretende doar a instituições de caridade.

Os advogados de Xuxa ainda citaram episódios homofóbicos, transfóbicos e preconceituosos e incitação a zoofilia para sustentar o caso e garantir a urgência no pedido.

VEJA TAMBÉM: Ex de Biel culpa mãe do cantor por seu comportamento: “Sinto pelo que sua mãe fez com você com apenas 13 anos”

No fim do mês passado, ela declarou: ““Parece que ele quer ser bastante popular e caricato, uma mistura de palhaço e repórter com uma postura bem forçada, desengonçada e tosca. Na imagem que eu vi ele estava rindo, debochando de um crime, zoofilia. Ao invés do apresentador dizer o quanto isso é errado, ele pede para alguém da sua equipe usar uma máscara de bicho e outra pessoa fazer a cena de estupro. Tudo isso abaixo de muitos risos”.

FOTO: Reprodução

O tal senhor, ao invés de ver o erro que fez e se desculpar com as famílias que veem seu programa, começou a me atacar, me chamando de pedófila e ex-rainha. E mais, disse que ensinava crianças a não deixarem ninguém tocá-las em certos lugares do corpo”, comentou ela.

E ainda continuou: “Uma pessoa que coloca em sua atração imagens de um animal sendo violentado e ainda encena ao vivo o horror que o bicho passou sorrindo, dando gargalhadas, passará às crianças e às pessoas que estão vendo que isso é normal ou uma piada. São seres indefesos que são usados por pessoas doentes e ninguém pode fazer disso um show de horrores ou pauta para piada, isso é inadmissível”.