zeca pagodinho
(FOTO: Reprodução)

O cantor Zeca Pagodinho teve a sua imagem usada em uma postagem de um apoiador do presidente Jair Bolsonaro no último domingo, dia 17, pelo Twitter.

Na foto antiga, o artista aparece tomando chope na rua e um usuário compartilhou o registro com a legenda “Vamos para cima!” junto com a hashtag #PatriotasComBolsonaro. Após fãs do cantor o alertarem nas redes sociais, a conta oficial do artista fez um pedido para que o jovem apagasse a publicação na noite de segunda-feira, dia 18.“Pedimos a gentileza que apague essa mensagem utilizando a foto do artista, Obrigado, equipe ZP.”, escreveu a equipe do cantor nos comentários das postagens.

No entanto, o apoiador de Bolsonaro não retirou a imagem de Zeca e a recolocou com um emoji no rosto do sambista. Como o pedido amigável não foi respeitado, a empresária do músico, Mary Lu pediu para equipe jurídica notificar extrajudicialmente para que o jovem envolvido apagasse o post.

As informações da rede mundial de computadores são capazes de atingir um imensurável número de pessoas e de permanecer na internet por tempo também imprevisível. Ainda, a associação entre o Notificante com o atual governo é desprovida de qualquer fundamento e de autorização prévia, vez que o Notificante é avesso a manifestações políticas e associação ao atual governo“, diz parte do texto da notificação feita pelo advogado do artista, Caio Mariano.

VEJA TAMBÉM: Katy Perry diz que filha mostrou dedo do meio em ultrassom: “Essa é a minha garota”

O jovem deletou a postagem feita após ser informado que se não fosse acatado de forma amigável, a Justiça seria acionada sob pena da tomada de medidas cabíveis.

A postagem foi apagada após uma notificação extrajudicial

A assessoria de imprensa do cantor explicou que ele não associa a sua imagem às questões políticas e nunca autorizou o uso para isso. Na notificação enviada ao usuário, a defesa de Zeca também deixa claro que ele não faz qualquer pronunciamento público sobre o assunto.

Em que pese o Autor evitar qualquer pronunciamento público acerca de questões políticas, o cenário polarizado que se instalou no país o fez vítima, assim como a diversos outros artistas, de ataques a sua honra através da internet, bem como o uso não autorizado de sua imagem ligada a partidos políticos da direita e do governo atual“, disse o defensor do artista.

A postagem que envolveu Zeca Pagodinho fez até o ex-prefeito Eduardo Paes comentar a reação do músico.”Zeca está ligado“, escreveu o político no Twitter.