Vocalista da Fresno relembra declaração genial de produtor sobre Rock e Funk

"O Rock hoje no Brasil é o Funk", disse o produtor musical Miranda durante uma entrevista em 2016

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Recentemente, o produtor Rick Bonadio deu um depoimento bastante polêmico sobre o funk. Diversos artistas criticaram Rick, entre eles o vocalista da Fresno, Lucas Silveira.

O músico publicou em seu Twitter uma fala do produtor Carlos Eduardo Miranda em entrevista de 2016 com Amanda Ramalho.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: Após boicote de The Weeknd, Cardi B quebra o silêncio sobre o Grammy

Na época, ele estava escolhendo algumas canções que marcaram a sua vida e, ao falar de “Computer World 2”, do Kraftwerk, Miranda acabou fazendo o paralelo com a situação do Rock:

“[Roqueiro hoje é] pai de família, direitista. O roqueiro hoje tem mania de criticar o Funk. Que que o roqueiro fala? Que Funk é a música que a letra não diz nada, que a dança é uma dança de putaria, que a batida é primitiva… [Amanda: Isso é o Punk Rock!] É o Elvis Presley, cara! O Elvis quando surgiu, o pessoal falava: ‘Esse Elvis é a dança… requebra o quadril’… A letra ‘Wopbop-a-loo-bop-a-lop-bam-boom’ quer dizer o quê? Merda nenhuma! O Rock hoje no Brasil é o Funk. E sabe onde é que surgiu o Funk? Surgiu exatamente nesse disco do Kraftwerk, nessa música.”

O líder da Fresno ainda completou com uma declaração para o produtor:

“Toda conversa com o Miranda era uma aula, mas ele nunca queria estar te ensinando nada. Era só ele falando mesmo, e quem quisesse que aprendesse.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio